4 Contos e Causos - História Viva de Ibiporã

   O projeto "Contos e Causos - História Viva de Ibiporã" está sendo desenvolvido na gestão 2009-2016 pelo Governo Municipal de Ibiporã, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo e do Museu Histórico e Artes de Ibiporã (MHAI), com o apoio do IPHAN e da SETI/PR.

   Ele faz parte do programa maior, de recuperação da memória e da história do Município, que inclui várias outras ações e projetos, tais como foi a revitalização e restauração do prédio da Estação Ferroviária e das casas históricas do entorno, o projeto  'Modernização e Revitalização do Museu Histórico e de Artes de Ibiporã', o 'Álbuns Urbanos', e o 'Nossa Gente, Nossa História'.

   O 1º DVD book 'Contos e Causos' (vídeo e livro) foi lançado em novembro de 2011 e o 2º foi em abril de 2013. A partir do início de 2013, com profissionais destacados especificamente para este fim, foram sendo produzidos os volumes restantes - serão oito no total. Os volumes 3, 4, 5, 6 e 7 já estão prontos e serão lançados ao longo de 2014 e 2015. O volume 8 está sendo finalizado.

   O projeto busca selecionar histórias marcantes e causos engraçados vividos pelos participantes. De acordo com o secretário municipal de Cultura e Turismo de Ibiporã (2009-2016), Julio Dutra, idealizador do projeto, "a meta é contribuir com a nossa história local, de forma que todos os que se depararem com os relatos, fatos, contos e causos, passem a enxergar os nossos pioneiros com maior valor, o valor de eles terem na memória histórias relevantes."

 

PROPÓSITOS DO PROJETO

   O objetivo deste projeto é que o Município possa ter documentada - em filmes, fotos e livros - uma parte extremamente importante da sua história que não estava registrada nos livros oficiais, mas guardada na memória de pioneiros que ajudaram a construir a cidade que hoje é Ibiporã.

   Outro objetivo é selecionar - entre esses relatos - os causos e as histórias engraçadas vividas pelos participantes, para que o material fique agradável e gostoso de se assistir.

 

A PRODUÇÃO DOS DVDs

   Primeiramente são coletados os depoimentos em vídeo (HD) que trazem grande riqueza de informação para se apreciar e entender melhor a história das famílias e a história local. É a importância do registro e da documentação da HISTÓRIA ORAL como instrumento para se complementar a história oficial do município.

   Os relatos são acompanhados por fotos antigas da família, da cidade ou da área rural de Ibiporã, que remetem o espectador para a época relatada pelo pioneiro.

   E como são apenas 60 minutos de filme e 20 entrevistados em cada volume, não há como trazer a história inteira da pessoa ou da família entrevistada. São escolhidos alguns fragmentos que despertem a curiosidade e a admiração por parte da comunidade, quando esta assiste ao filme ou folheia os livros.

   Os trechos são escolhidos de acordo com temas que fazem parte do roteiro das entrevistas, tais como: a chegada da família a Ibiporã, a vida nas lavouras, dificuldades, transporte, juventude, trabalho, religião, fatos marcantes, causos e votos para o futuro.

 

AS ENTREVISTAS

   Os DVDs mesclam histórias daqueles que se dispuseram a participar do projeto. É importante que a comunidade saiba que muitos pioneiros não constam nos filmes porque já faleceram ou por terem se mudado de Ibiporã ou por não terem sido localizados. Alguns não quiseram ou não puderam dar entrevista devido ao estado de saúde ou por outros motivos.

   A coleta das entrevistas não se trata de uma pesquisa científica ou histórica. O objetivo NÃO é registrar a totalidade dos pioneiros ou seus familiares, até por ser algo impossível.

   Os participantes são apenas uma AMOSTRA do todo. O objetivo é que a comunidade se sinta representada por aqueles que aparecem nas entrevistas e que representam esse universo. Foram ouvidas cerca de 200 pessoas.

 

OS CRITÉRIOS

   O critério inicial foi seguir uma lista das famílias tradicionais que chegaram a Ibiporã até o final da década de 40, conforme levantamento feito pelo MHAI para a produção do livro "Compêndio Histórico de Ibiporã", publicado em 2008.

   Aos poucos, a lista de pioneiros foi sendo ampliada com a inclusão de novos nomes, sugeridos por eles próprios ou por pessoas da comunidade. Algumas pessoas entraram em razão do tema abordado, mesmo que não fossem necessariamente pioneiros das décadas de 30 a 50.

 

ARQUIVAMENTO E DISPONIBILIZAÇÃO DAS ENTREVISTAS

   Como as entrevistas com cada pessoa têm mais de uma hora de duração e são selecionados apenas alguns trechos para os filmes, as "entrevistas brutas" (na íntegra) estão arquivadas em DVD, com backup duplo em HDs no Museu Histórico e de Artes de Ibiporã (MHAI).

   As informações principais de cada entrevistado também foram transcritas para uma pasta digital, com o nome de cada um, passando a compor o nosso acervo. O material estará disponível para as famílias dos entrevistados e para pesquisadores, seguindo os critérios de cessão de cópia estabelecidos pela Secretaria Municipal de Cultura e Turismo e pelo MHAI.

 

RELATOS E CAUSOS

   O secretário Julio Dutra afirma que "nós não precisamos de um museu estático de objetos, mas sim ouvirmos e valorizarmos os nossos 'arquivos vivos', que tanto têm a nos contar."

   O Contos e Causos, observa ele, é um projeto envolvente e que aguça a emoção não só de quem é entrevistado, mas também de quem escuta os relatos. "Através dos relatos, contos e causos, trazemos para o presente assuntos que antes faziam parte do repertório de lembranças de um número limitados de pessoas ou até mesmo somente daquela pessoa. É como se fôssemos tecendo uma colcha de retalhos que, ao final, se transforma em algo único e valioso", finaliza Dutra.

 

(Por: Jaime Kaster - jornalista responsável pelo projeto - Museu Histórico e de Artes de Ibiporã - Secretaria Municipal de Cultura e Turismo / Prefeitura de Ibiporã)

 

TEMAS ABORDADOS:

 

- História da Família

- Chegada a Ibiporã

- A Estação Ferroviária

- Café (plantio, fazendas)

- Meios de transporte até a década de 50

- As dificuldades

- A Segunda Guerra Mundial

- A Igreja e a Praça ("o jardim")

- Infância e Juventude

- Casamento

- Família

- Amizades

- Trabalho/ profissão

- Comércio (início)

- Tragédias pessoais

- Fato marcante na sua vida em Ibiporã

- Causo ou história vivida

- Receitas de família

- Votos para o futuro